Segunda-Feira, 23 de outubro de 2017 Nossa história      

Notícias

POPULAÇÃO VAI ÀS RUAS EM DEFESA DAS CRIANÇAS E ADOLESCENTES EM CARIDADE DO PIAUÍ

“Combater a impunidade e garantir a proteção”. Esse foi o tema de uma campanha desenvolvida no município de Caridade do Piauí em defesa das crianças e adolescentes.

No último dia 18 de maio, um expressivo número de pessoas foi às ruas para participar de uma manifestação contra o abuso e à exploração sexual de menores de idade. O evento reuniu crianças, adolescentes, alunos, representantes de movimentos sociais, de órgãos de proteção, do poder público municipal e a sociedade civil.

Com faixas e cartazes, os participantes disseram não a este tipo de crime, e alertaram para necessidade de combater e denunciar casos de suspeita ou confirmação da violência sexual. A violência e o abuso sexual são violações dos direitos humanos que comprometem o desenvolvimento dessa parcela da população.

A manifestação marcou o 18 de Maio – Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

Data – Em 1973, Araceli Cabrera Crespo de oito anos foi sequestrada, violentada e cruelmente assassinada no Espírito Santo. O crime foi praticado por jovens da elite e os acusados foram absolvidos. O corpo dela só foi encontrado seis dias depois do desaparecimento e estava carbonizado. O crime gerou uma onda de denúncias e protestos e culminou com a aprovação da Lei Federal 9.970/2000, que instituiu o dia 18 de maio como Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes.

O evento foi promovido pela Prefeitura Municipal, através das Secretarias Municipais de Assistência Social e de Educação, com o apoio do Conselho Municipal dos Direitos da Criança e do Adolescente, Conselho Tutelar, escolas municipais, dentre outros.